07/07/2017

PF investiga empresário do mundo do axé por desvio de verba de shows

PF investiga empresário do mundo do axé por desvio de verba de shows

Empresário que se tornou conhecido no universo da axé music como dono do Camarote Axezeiro e sócio de bandas baianas, Manoel de Andrade Barreto foi o principal alvo da nova fase da Operação Adsumus, deflagrada conjuntamente ontem pelo Ministério Público do Estado e a Polícia Federal. De acordo com informações fornecidas à Satélite por fontes ligadas à investigação, Barreto era o operador de propinas desviadas de contratos para eventos e shows de artistas firmados, sem licitação, com a prefeitura de Santo Amaro na gestão do petista Ricardo Machado (2009-2016). O empresário, cuja identidade estava sob sigilo, foi conduzido coercitivamente e ouvido por promotores de Justiça da cidade, sede da operação.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário