02/04/2017

Salvador: Petshop é autuado após vender medicamentos para humanos

Salvador: Petshop é autuado após vender medicamentos para humanos


A Operação Pet do Bem, voltada para combater o exercício irregular de veterinária nas cidades de Camaçari, na região metropolitana, e Salvador, terminou na quinta-feira (31). Em Sussuarana,na capital, a proprietária de um Petshop foi conduzida à delegacia, onde foi indiciada por trafico ilícito de drogas. Segundo a Polícia Civil, a mulher estava comercializando medicamentos para uso de seres humanos com restrição de venda e sem a prévia autorização para esse tipo de serviço, inclusive com retenção da receita. Também foi autuado um estabelecimento no bairro de Canabrava, ainda em Salvador. O local tinha medicamentos com validades vencida ou adulterada e certificado de regularidade do Conselho adulterado também. A vendedora foi conduzida e ouvida pela delegada. Ela foi indiciada por expor e vender medicamento impróprio para consumo. Já na cidade de Camaçari, a polícia flagrou um homem que efetuava atendimento clínico a animais sem a devida formação em medicina veterinária. Além disso, o local tinha péssimas condições de estrutura e higiene. Ele foi indiciado por exercício irregular da profissão. A operação começou na quarta-feira (30) e foi feita pela Decon (Delegacia de Defesa do Consumidor), Procon e CRMV (Conselho Regional de Medicina Veterinária). Durante dois dias, o grupo avaliou as condições de trabalho e atendimento, apontadas como impróprias por denúncias encaminhadas por clientes a estes órgãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário