08/04/2017

Propeg é contratada para revestir reforma da previdência

Propeg é contratada para revestir reforma da previdência

O governo federal contratou a agência de publicidade baiana Propeg para fazer as novas peças de rádio e TV em defesa da reforma da previdência. A tarefa é amainar o ambiente hostil junto à sociedade que enxerga a mudança na legislação com maus olhos. A Folha de São Paulo traz a informação na coluna Painel deste sábado (8). Conforme publicado, de início, o Planalto que ressaltar que com 25 anos de contribuição é possível se aposentar. A ideia, continua a publicação, é encontrar um âncora para os programas que não seja Michel Temer. A equipe de comunicação do governo busca um jornalista ou uma celebridade para assumir a missão. Em outubro do ano passado, a Polícia Federal cumpriu mandados na agência de publicidade. A suspeita à época era de que Mário Negromento, atualmente conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios, Márcio Fortes, ex-ministro das Cidades assim como Negromonte, haviam recebido propina para favorecer a Propeg. Em nota oficial, representantes da agência afirmaram que prestaram todo o apoio à PF, como pode ser lido abaixo.
A Propeg tem auxiliado, por iniciativa própria, desde junho deste ano, as autoridades judiciais para esclarecer e apurar os fatos investigados. A agência antecipou-se e forneceu diversas informações, bem como prestou depoimentos espontâneos. No que tange à agência, os fatos em apuração não possuem qualquer conexão com o Partido dos Trabalhadores, o Governador do Estado da Bahia e com a empresa OAS. Com 50 anos de atuação, a Propeg age com correção, respeito às leis e seguindo as normas do mercado publicitário - Propeg Comunicação.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário